Prémio Valmor de 1928 – Palacete Vale Flor – Alterado / Demolido 1952/53


Palacete Vale Flor, projeto original do Arquiteto Pardal Monteiro,
Fotografia de 1952, pouco antes da reabilitação do edificio.

O Prémio Valmor de 1928 coube ao Palacete Vale Flor na Calçada de Stº Amaro, 83-85, projetado pelo Arquiteto Pardal Monteiro sendo a Sociedade Agrícola Vale Flor sua proprietária.
Edificado em 1925, era uma habitação isolada de estrutura ainda bastante clássica, o júri recomendou a moradia com jardim como um “modelo de um género de construções que muito conviria desenvolver nas encostas de Lisboa, para interromper com manchas de verdura a monotonia do casario banal e para multiplicar os terraços de onde se possam desfrutar os incomparáveis panoramas da cidade”. 


Foto do edifício atual da Calçada de Stº Amaro, 83-85, Lisboa.


O edifício virai a ser desocupado e vendido, sofreu fortes remodelações em 1953, há quem defenda que tenha sido praticamente demolido, o novo edifício também de habitação atualmente serve de instalações à Embaixada da República da Hungria. Do projeto original do arquiteto Porfírio Pardal Monteiro não vislumbram grandes semelhanças arquitetónicas entre os edifícios, o termo “remodelação” terá servido para a perpetuação do prestigiado título de arquitetura atribuído ao projeto de Pardal Monteiro.
De entre 1923 e 1943, período correspondente à 2.º fase da Arquitetura premiada com o Prémio Valmor, verificou-se uma irregularidade na atribuição do prémio, apelas atribuídos 11 prémios em 21 anos, depois de três anos sem atribuição do prémio, em 1927 e 1928, o júri verificou a falta de projetos assinados por arquitetos no conjunto de muitos projetos apresentados, uma percentagem bastante diminuta, razão pela qual, a linda cidade de Lisboa, tão encantadora pela natureza, se foi tornando tão banal e antiestética pela obra do homem.


Porfírio Pardal Monteiro (Pero Pinheiro, Sintra, 16 Fevereiro 1897 – Lisboa, 19 Fevereiro 1957) foi um arquitecto e professor universitário português. É um dos mais importantes arquitetos da primeira metade do Século XX em Portugal.

Pardal Monteiro foi distinguido 5 vezes com o Prémio Valmor correspondente aos anos de 1923, 1928, 1929, 1938 e 1940 com as seguintes edificações situadas na Av da República, N.ºs 49-49-D; Calçada de Santo Amaro, Nº. 83-85; Av. Cinco de Outubro, N.ºs 207-215; Av. Marquês de Tomar (Igreja N.ª S.ª de Fátima) e Av. da Liberdade, N.ºs 266-266-A (Sede do «Diário de Notícias»), na fase inicial da sua carreira que ficou caraterizada por uma fase de gosto internacional e de influência evidente da Arts Déco, são exemplos o prédio da Avenida da República (1923) e na moradia da Avenida Cinco de Outubro (1929). Já referente à sua fase modernista, destacamos a Igreja de Fátima que foi o edifício a ser premiado em 1938 e do edifício do Diário de Notícias na Avenida da Liberdade (1940). Com Miguel Jacobety Rosa e Veloso dos Reis Camelo que trouxeram novidades técnicas, foram premiadas as moradias nºs 92-94 da Rua da Infantaria 16 (1931, posteriormente acrescentada com dois pisos, que também será abordada), e ainda com Raul Lino, ficou marcada uma rutura com os júris do prémio Valmor com o estilo da Casa Portuguesa (1930, Rua Castilho, nº64, demolida posteriormente). A partir de 1943 elegeram-se um dos melhores prédios do “português suave” onde a arquitetura moderna lisboeta se conformava ao historicismo limitativo do regime político. O Prémio do legado Valmor foi assim sendo adaptado ao tempo, épocas e contextos políticos, económicos e sociais do país. Essas adaptações construíram uma linguagem própria da arquitetura nacional e desenharam uma linha condutora na História da Arte da Nação e permitiram-nos igualmente entender de que forma as influências estrangeiras foram assimiladas e aplicadas em Portugal nos edifícios e na restante arte.

Fontes:
A AÇÃO CULTURAL E MECENÁTICA DE FAUSTO DE QUEIRÓS GUEDES, 2º VISCONDE DE VALMOR (1837-1898) E O PRÉMIO VALMOR DE ARQUITETURA (1902-1943), Raquel Maria da Silva Fernandes David, 2016;
monumentos.gov.pt
pt.wikipedia.org
chooseroyal.wordpress.com
archive.is
jaimeroriz.com
comjeitoearte.blogspot.com
restosdecoleccao.blogspot.com

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s